Docs. selecionados:

Pesquisa Avançada
Voltar aos arquivos



Info

Jornal República
Fundado em 15 de Janeiro de 1911 por António José de Almeida, destacado dirigente republicano e, mais tarde, Presidente da República (1919-1923), data em que abandona o cargo de director.
Ligado desde o início a figuras de relevo da maçonaria portuguesa, sobrevive à instauração do Estado Novo e evidenciou-se, em parceria com o Diário de Lisboa, na luta contra a ditadura salazarista.
Em 1972 passa por uma profunda transformação, onde desempenha um papel de destaque o jornalista e maçon Raul Rêgo, que substituiu Carvalhão Duarte na direcção. O jornal passa então a contar com colaborações de personalidades relevantes da oposição, como Mário Soares e Gustavo Soromenho, e com uma nova equipa redactorial em que se destacam Mário Mesquita, Alberto Arons de Carvalho, Jaime Gama, António Reis, José Jorge Letria e Álvaro Guerra.
Suspendeu a publicação regular em Janeiro de 1976, após uma forte agitação interna na sequência das divisões político-partidárias criadas durante o PREC (o chamado "caso República").

Dimensão
950 exemplares, entre os anos de 1911 (fundação) e 1916, com algumas séries temporais mensais completas. 11 volumes encadernados.

Estado de Tratamento
Integralmente digitalizado (exemplares disponíveis)