teste de js
Docs. selecionados:

Pesquisa Avançada
Voltar aos arquivos



Info

Mário Rodrigues
O fundo Mário Rodrigues é constituído por diversa imprensa da oposição de extrema-esquerda ao regime do Estado Novo. Na sua maioria, tratam-se de títulos publicados sob o impulso do Comité Marxista Leninista Português (CMLP), e da Frente de Acção Popular (FAP), organizações fundadas em 1964 por Francisco Martins Rodrigues, João Pulido Valente e Rui D’Espinay, na sequência de uma cisão ideológica e política com o Partido Comunista Português.
Incluem-se ainda, neste fundo, alguns documentos relacionados com a actividade destas organizações e dos seus membros, entre os quais se destacam os Estatutos do Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista), aprovados em 1970, bem como uma brochura publicada pelo Socorro Vermelho Internacional relativa à defesa apresentada por Francisco Martins Rodrigues no Tribunal Plenário, em Maio daquele mesmo ano, e no qual foi julgado e condenado por actividades subversivas, em conjunto com Ruy d’Espinay e João Pulido Valente.

Instituição
Fundação Mário Soares

Dimensão
Este fundo é composto por 3 pastas de arquivo, o que perfaz, aproximadamente 0.27 metros lineares.

Estado de Tratamento
Integralmente tratado.